Aproveitamentos
01 / 01

Aproveitamentos

Aproveitamento Hidroagrícola do Alto Sado

O Aproveitamento Hidroagricola do Alto Sado entrou em funcionamento em 1972. Esta obra de rega beneficia directamente uma área de 3.683 ha, a qual é servida por uma rede de rega com um desenvolvimento total de 183.469m . A água é conduzida ao longo da margem direita do Rio Sado, desde a Albufeira até ás proximidades de Alvalade, pelo Canal Condutor Geral, com um desenvolvimento aproximado de 44Km. A ligação entre este aproveitamento e o aproveitamento de Campilhas e S.Domingos foi concretizada com a construção de um distribuidor de ligação entre o canal de Alvalade e o canal condutor geral de Campilhas, em local que domina 206ha antes regados apenas a partir da albufeira de Campilhas. O desenvolvimento da rede de rega totaliza 183.469m, repartidos por 59.952m de canais principais, 12.950m de distribuidores e 110.567m de regadeiras. São numerosas as obras de arte englobadas na rede de rega, das quais se destacam 15 pontes canais (4.225Km), 9 sifões (3.590m), 148 pontões, 80 passadiços e 255 aquedutos. A rede de enxugo envolve 18 coletores, totalizando uma extensão de 36.231m.

altosado

 

 

CAN1

Culturas e áreas cultivadas

ocupacao culturas MRocha miniat

ver maior

CUL3

 

No aproveitamento do Alto Sado os solos são, sobretudo, de formação aluvional e coluvional, assentes sobre depósitos grosseiros. Cerca de 1/3 dos solos apresentam boa profundidade, textura franco-argilosa e franco-arenosa, com boa estrutura e boas condições de enxugo. Na restante área predominam as texturas franco-arenosas a arenosas, medianamente estruturados e com algumas limitações ao regadio.

    

 

 CUL2

Grafico das culturas e áreas regadas

evolucao culturas AltoSado miniat

ver mais

 CUL8